O Diário de Anne Frank

IMPERDÍVEL: O Diário de Anne Frank.

Seu diário já foi traduzido para 67 línguas, e é um dos livros mais lidos do mundo.

“O relato pessoal mais emocionante sobre o Holocausto continua surpreendendo e impressionando!”
The New York Times Book Review

“Esta edição é um memorial valioso para a humanidade.”
The Times

“Um dos livros mais importantes do século XX.”
Guardian”


Encorajador…

Por André Willian

Estava para ler esse livro à um bom tempo, mas caiu em um ótimo momento…

É difícil acreditar que, de fato, tudo o que foi dito foi real, tamanha carga emotiva e, por que não, repugnante.

O livro é muito bom, amadurece com o decorrer da leitura, assim como a própria autora, que conseguiu me cativar com seus relatos e seu jeito diferente de enfrentar as situações…

A pior parte do livro é o final, por sabermos aonde toda essa luta termina…

Recomendo!

” O motivo para o ódio é compreensível, talvez até mesmo humano, mas isso não o torna direito. ”

 

Clássico

Gustavo

Sem duvida um dos livros mais lidos e comentados do seculo passado, tendo inclusive pecas de teatro apresentadas em todo o mundo.

Uma linguagem e visao de uma menina, que retrata sua vida na Holanda, antes e depois da invasao nazista.

Sua familia viveu por alguns anos escondida, sem sair de casa, e sendo ajudada por algumas pessoas.

Recomendo esta leitura principalmente para adolescentes, pois ajuda a ter uma visao do nazismo e quase com certeza pode despertar a paixao pela leitura.

 

Querida Kitty

O que dizer desse livro?!? Realmente uma reflexão profunda sobre tantos aspectos da vida, de como é curta nossa passagem por esse mundo e como as pessoas podem ser tão perversas e tão cruéis, enquanto outras arriscam suas próprias vidas para ajudar aqueles que não têm ninguém por eles, como o desespero e o medo podem transformar tanto as pessoas. Anne uma garota de 13 anos se vê numa situação terrível e assustadora, vê sua vida se transformar completamente pelos horrores causados por uma guerra insana liderada por uma criatura horrenda, tem que fugir e se esconder com sua família em busca de proteção, onde o futuro é incerto, uma jovem sonhadora, alegre e feliz que sonhava ser uma escritora e deixar sua marca no mundo, infelizmente esses sonhos se perderam em meio à guerra. Neste diário ela escreve todos os acontecimentos de sua vida, de como é viver confinada e com medo, o pavor de serem descobertos, compartilha suas alegrias e tristezas, suas descobertas e sonhos, o desejo de ter uma vida longe daqueles horrores e de encontrar uma pessoa que a compreenda, o amor pela família e ao mesmo tempo as desavenças e raiva que ela sente por eles, os conflitos internos e externos, as brigas no anexo e a difícil luta de conviver com pessoas tão diferentes e ter que lidar com elas. A guerra vista pela perspectiva de uma adolescente, um choque de realidade. “Ouço o trovão que se aproxima e que, um dia, irá nos destruir também, sinto o sofrimento de milhões. E, mesmo assim, quando olho para o céu, sinto de algum modo que tudo mudará para melhor, que a crueldade também terminará que a paz e a tranquilidade voltarão. Enquanto isso devo me agarrar aos meus ideais. Talvez chegue o dia em que eu possa realizá-los.” Sua Anne M. Frank

 comprar na Amazon